• Home
  • Blog
  • É POSSIVEL A TRANSFORMAÇÃO DO AUXÍLIO-DOENÇA PARA A APOSENTADORIA POR INVALIDEZ?

É POSSIVEL A TRANSFORMAÇÃO DO AUXÍLIO-DOENÇA PARA A APOSENTADORIA POR INVALIDEZ?

 

Milhares de pessoas dizem que após dois anos de recebimento do benefício de Auxílio-Doença automaticamente o benefício é convertido para a Aposentadoria por invalidez. De acordo com o artigo 60 da lei 8.213/91, o segurado conseguirá receber o auxílio-doença a contar do 16° dia do afastamento do trabalho.

A lei estabelece também  que o benefício poderá ser pago por um período superior a dois anos e que mesmo assim não será convertido em Aposentadoria por invalidez. Vamos explicar se é possível essa transformação e como ela é realizada.

É POSSIVEL A TRANSFORMAÇÃO DO AUXÍLIO-DOENÇA PARA A APOSENTADORIA POR INVALIDEZ?

Sim, é possível, caso a incapacidade do segurado se tornar permanente.

QUANDO ACONTECE ESSA TRANSFOMAÇÃO?

Porém na pratica não funciona bem assim, nem sempre a pratica é realizada pelo perito do INSS, muitos segurados chegam a receber o beneficio por mais de 10 anos sem ter a transformação para a Aposentadoria por Invalidez. Caso isto aconteça é necessário ingressar com pedido judicial de conversão de auxílio-doença em aposentadoria por invalidez, onde o segurado será avaliado pelo perito judicial que além de identificar a incapacidade total e permanente, também submete ao juiz a análise de outras questões sociais, como: sexo, idade, escolaridade, mercado de trabalho etc.

VEJA UM EXEMPLO: A segurada dona Aparecida estava incapacitada e recebendo o beneficio de Auxílio-Doença desde o ano de 1999, ou seja, ela recebeu o beneficio por mais de 13 anos e mesmo assim o INSS não converteu este em Aposentadoria por Invalidez, logo depois o benefício da segurada foi cortado. Dona aparecida entrou com um processo, e refez a perícia, após a segunda pericia, foi constatado a sua incapacidade total e permanente e na sentença foi restabelecido o benéfico de Auxílio-Doença para Aposentadoria por Invalidez.

SE O SEGURADO INGRESSAR COM UMA AÇÃO JUDICIAL PARA CONVERTER OU TRANSFORMAR ESTE BENEFICIO EM APOSENTADORIA POR INVALIDEZ, IRÁ TRAZER PREJUÍZO AO BENEFICIÁRIO?

Caso o segurado decida ingressar com uma ação judicial, ele não terá prejuízos, pelos seguintes motivos:

§  O objetivo é provar a incapacidade total e permanente para o segurado ter o benefício de Aposentadoria por Invalidez, o fato de o segurado ingressar com o pedido judicial de Aposentadoria por Invalidez não traz nenhum prejuízo em relação ao recebimento do atual benefício, enquanto corre a ação o segurado permanecera recebendo o auxílio.

CASO O PEDIDO JUDICIAL DO SEGURADO NÃO FOR ACEITO, O SEGURADO TERÁ SEU AUXÍLIO-DOENÇA CORTADO?

O seu benefício não será cortado, assim como também não impedira de no futuro o perito do INSS constatar que a incapacidade é total e permanente e conceder o beneficio de Aposentadoria por Invalidez.

Dica extra: Compreenda e realize os procedimentos do INSS para usufruir dos benefícios da previdência social.

Fonte: Jornal Contábeis

 

Gostou? Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram